29 maio 2009

Um pedido pra hoje


Ouvi hoje que a futilidade, ainda que indigesta, pode ser necessária. E me entristeceu ter que concordar com a afirmação.
Eu gostaria de viver num mundo onde as pessoas não primassem tanto pela superficialidade e em que somente as respostas realmente importantes fossem buscadas. E alcançadas, claro!
Mas este meu pensamento me fez sentir tão arrogante. Por que devo me sentir no direito e com propriedade para julgar o que é importante ou não? O que me faz assim tão superior aos que eu julgo fúteis?
A resposta é simples. Meus valores e os das pessoas cujas opiniões eu considero válidas são voltados de uma forma geral para o interesse coletivo. E é isso que eu acho que falta no mundo: capacidade de pensar na existência como uma cadeia de acontecimentos, ações, reações e emoções que interferem diretamente uns nos outros, o tempo todo.
Não que um pouco de egoísmo não seja bem vindo. Claro que há momentos em que só o nosso umbigo deve importar mesmo. Mas abomino pessoas que só falam "eu, meu, minha, comigo..." e por aí vai. Geralmente são pessoas que acham que o mundo deve parar quando algo não vai bem pra elas e isso cansa tanto.
Quero viver num mundo em que as pessoas realmente convivam em harmonia. Onde ninguém se ocupe da vida do outro mais do que deveria. Onde a coletividade e a individualidade tenham o seu valor justo e sua importância considerada só em momentos oportunos.
É utópico, eu sei. Mas quem não chora não mama.

5 comentários:

Tabaquinho PT disse...

Sensacional!!!
Concordo plenamente com tudo que escreveu. Parabéns mais uma vez!!!

Bjs!!!

RÓ lopes disse...

Mocinhaa!! Realmente você tem uma habilidade fantástica para escrever! Sem contar, que parecia que estava lendo sobre meus próprios pensamentos. A gente se parece em um monte de coisas sabia?!

E como disse meu amigo Tabaquinho aqui em cima, Parabéns pela postagem!

Adoreii!
beeijos

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
clébia disse...

JAY, VEJO DOIS LADOS: FOME DE TUDO E FOME DE NADA!
A FUTILIDADE NUNCA É SACIADA E A MISÉRIA VEM NA CONTRAMÃO PRECISANDO SER SUGADA!
CRUEL REALIDADE!

Bad Beat disse...

Jay depois entra no blog !

http://revolutionstation.blogspot.com/

Saudades

Bejooos

xD